Gato e borboletas

Gato e borboletas

domingo, 18 de dezembro de 2011

Convite da Natureza

Não vou correr da chuva
Os pingos caem doces e suaves
refrescando meu coração
deixando a alma leve
As flores se abrem
frente aos meus olhos
O colorido me conta novidades
Segredos
para os corações amargos
O arco-íris 
leque varrendo tristezas
A grama úmida
se oferece em cama macia
Descanso para os que
cansados de tanta dor
se rendem às novas cores
Sono embalado
pelo canto dos pássaros
que em sutil revoada
dizem baixinho
que também podemos voar

Nenhum comentário:

Postar um comentário